Complicado Demais (Fernandes Paula)

Se algum dia algo te lembrar E a emoção tocar inteira a face do teu rosto Não se envergonhe em dizer Que o ciúme levou teu amor E te afastou de vez de minha voz o teu silêncio Não me deixou opção Acreditei na força do teu querer Mas o ciúme foi maior que você Ressentimentos cegou minha visão Aquele amor virou antiga paixão Te aceito assim, complicado demais Também sou assim, complicada demais E já faz tempo que o tempo parou Não envelheço à espera do teu amor Se nos sentimos como a terra e o mar E o desamor desfez um sonho lindo Desse jeito feito uma nuvem no céu Eu não queria mesmo acreditar Que o ser humano tão sereno fosse assim Um oposto afim de causar confusão Eu estarei aqui esperando você Se redimindo do teu erro pra ver Teus olhos rasos decidido a voltar Sem ter ciúme vem pra mim vem me amar Te aceito assim, complicado demais Também sou assim, complicada demais E já faz tempo que o tempo parou Não envelheço à espera do teu amor