Olhos Vermelhos (Capital Inicial)

Os velhos olhos vermelhos voltaram Dessa vez Com o mundo nas costas E a cidade nos pés Pra que sofrer se nada é pra sempre? Pra que correr, se nunca me vejo de frente Parei de pensar e comecei a sentir Nada como um dia após dia Uma noite, um mês Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez Os velhos olhos vermelhos enganam Sem querer Parecem claros, frios, distantes Não têm nada a perder Por que se preocupar por tão pouco? Por que chorar, se amanhã tudo muda de novo? Parei de pensar e comecei a sentir Nada como um dia após dia Uma noite, um mês Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez Parei de pensar e comecei a sentir Nada como um dia após dia Uma noite, um mês Os velhos olhos vermelhos voltaram de vez Os velhos olhos vermelhos (Na, na, na, na) Os velhos olhos vermelhos (Na, na, na, na)